•Agência de Turismo
   •Beleza e Estética
   •Decoração
   •Diversão
   •Educação e Cursos
   •Gastronomia
   •Lazer
   •Meio Ambiente
   •Moda e Vestuário
   •Pet & Cia
   •Psicologia
   •Saúde
   •Turismo

Lapa: berço do samba, da boemia e da malandragem carioca.

Compartilhe esta matéria com seus amigos !
Na história de Peter Pan, a Terra do Nunca é um lugar repleto de aventuras e diversão, onde crianças nunca crescem e fadas se misturam às pessoas reais. Embora seja apenas uma paisagem de ficção essa poderia ser a melhor descrição para um bairro, no qual crianças acima de 18 anos encontram todo tipo de personagens e a alegria nunca tem hora para terminar. Seja bem vindo à
Lapa, o mais boêmio e divertido bairro carioca.

BEBER, CAIR, LEVANTAR.

Compreendido entre as ruas do Lavradio, Mem de Sá, Riachuelo e também Gomes Freire, a Lapa, desde a década de 50 é a referência da vida noturna carioca, freqüentada por artistas, políticos, intelectuais e
diplomatas que procuravam por refinados restaurantes e boa bebida e música.
Porém com o passar dos anos, e com o surgimento de diversas opções de gastronomia e casas de shows em
outros bairros, a Lapa foi, pouco a pouco, perdendo sua privilegiada condição e durante décadas, foi um bairro renegado aos mais diversos tipos do submundo carioca. O Rio de Janeiro estava perdendo sua malandragem.
Na década de 80, pequenas iniciativas, concertos na sala Cecília Meireles e shows no Circo Voador, procuravam trazer a Lapa de volta ao mapa carioca.  Mas foi na década
de 90, com um elaborado projeto de revitalização, que o bairro voltou, definitivamente, a ocupar seu lugar de honra na noite do Rio. Hoje, seus sobrados históricos (quase todos preservados) são ocupados por iniciativas culturais, voltadas para diversas tribos.
O melhor dessa história é que com a decadência e ressurgimento, a Lapa consegue abrigar os mais variados
grupos sociais. De sambistas a roqueiros, todos tem espaço nas ruas sempre cheias da região. Por isso, a Lapa é o mais democrático e criativo bairro da cidade.

HISTÓRIAS PARA CONTAR.

Engana-se quem pensa que a Lapa é apenas atração para a vida noturna, suas ruas estão repletas de história
e o bairro abriga uma das mais importantes obras
arquitetônicas da cidade, os Arcos da Lapa.
Em meados dos Séc. XVII, a cidade sofria com a escassez de água potável. Para solucionar o problema foram construídos os Arcos da Carioca, obra que canalizava as
águas do Rio carioca.


Com a Vinda da família Real, a área passou a ser cada vez mais povoada. De 1838 a 1888 a área urbana do bairro foi triplicada. 1896 os Arcos passaram a servir de viadutos para as linhas dos bondes que iam (e até hoje vão) até Santa Teresa.

CIRCUITO DA LAPA:
SUA DIVERSÃO NÃO TEM HORA PARA TERMINAR.


Gastronomia:
Restaurante Nova Capela – Av. Mem de Sá, 96.
Manoel e Joaquim – Praça João Pessoa, 7.
Pizzaria Carioca da Gema - Av. Men de Sá 77, Sobreloja.
Pizzaria Guanabara – Av. Mem de Sá, 17.
Cachaçaria Mangue Seco – Rua do Lavradio, 23.

Bares:
Arco Íris – Av. Mem de Sá, 72.
Taberna do Juca – Av. Men de Sá, 65.
Bar Brasil – Av. Mem de Sá, 90
Boteco Belmonte – Rua do Lavradio, 116.

Samba:
Carioca de Gema – Av. Mem de Sá, 79
Sacrilégio – Av. Mem de Sá, 81
Rio Scenarium – Rua do Lavradio, 36

Gafieira:
Lapa 40º - Rua do Riachuelo, 97
Clube Democráticos – Rua do Riachuelo, 91 / 93.

Forró:
Asa Branca – Av. Men de Sá, 17.

Shows:
Circo Voador – Rua dos Arcos, 1.
Fundição Progresso – Rua dos Arcos, 24.
Estrela da Lapa – Av. Men de Sá, 69.

Estas são apenas algumas opções da região, e como na Terra do Nunca, você tem todo tempo para explorar esse bairro cheio de magia e diversão.


Você pode pagar seu anúncio com :