•Agência de Turismo
   •Beleza e Estética
   •Decoração
   •Diversão
   •Educação e Cursos
   •Gastronomia
   •Lazer
   •Meio Ambiente
   •Moda e Vestuário
   •Pet & Cia
   •Psicologia
   •Saúde
   •Turismo

Pomerode : Uma cidade quase alemã

Compartilhe esta matéria com seus amigos !

Hallo Reisender. Willkommen bei Pomerode. Não entendeu uma palavra do que acabou de ler? Não
tem problema! Isso é alemão e traduzido para o nosso conhecido português, significa: “Olá viajante. Bem-vindo à Pomerode”. Todo esse charme, não é para menos: essa pequenina região de Santa Catarina
é conhecida como a cidade mais alemã do Brasil.
Embarque neste passeio com a Revista Help.Com e descubra porquê este título é mais que adequado.
Tradições que estão nas praças, nos parques e, principalmente, no DNA .
Para falar de Pomerode precisamos fazer uma pequena viagem. No tempo! Há cerca de 150 anos atrás a
região de Santa Catarina foi o destino de centenas de imigrantes europeus que vieram para a América em busca de novas oportunidades e prosperidade.
Por serem, em sua grande maioria, camponeses e agricultores, eles acabaram cuidando de lavouras em todo estado. A região, que hoje é conhecida como Vale do Itajaí, recebeu um grande número de alemães que acabaram fundando pequenas colônias e popularizando seus costumes e hábitos. Pomerode
foi um desses lugares. Hoje é uma pequena cidade, com cerca de 30 mil habitantes, a menos de 30km de Blumenau, que guarda, muito bem, toda a tradição alemã.
Um dos principais “choques culturais” que o turista recebe é justamente no contato direto com os simpáticos habitantes. Em sua grande maioria eles guardam nas feições os traços europeus: loiros, altos e com olhos claros. Mas a marca do país não fica
apenas nas características físicas. O idioma alemão domina a cidade, em conversas fluentes e coloquiais nas ruas, praças e comércios. Os mais desavisados podem tomar um susto e praticamente não entender o que as pessoas estão conversando!
“Zum Wohl!”
Uma coisa é certa: ir a Pomerode vai enriquecer bastante seu vocabulário! Essa expressão que colocamos acima vai ajudar você a comemorar sua estadia na cidade. É o popular “saúde” que dizemos logo após fazer um brinde. Porque como uma boa cidade quase alemã, a bebida mais típica do local é a cerveja! Aproveite para se deliciar com a bebida na Festa Pomerana, um festival anual, que acontece em sempre em janeiro, em homenagem à cultura germânica. São 10 dias de comemorações onde o
turista pode apreciar grupos de danças, teatros, presenciar apresentações folclóricas, conhecer se deliciar com os petiscos e pratos típicos do país europeu. Além disso, você verá diretamente toda a produção artesanal, industrial e comercial da região.
Um último e inusitado detalhe: ir na Festa Pomerana também é presenciar um casamento. De verdade! Os noivos e convidados realizam a cerimônia com roupas típicas para simbolizar a colonização alemã.
E seguindo as tradições do país, alguns dias antes da cerimônia é realizada a festa do quabra-cacos,
onde os noivos quebram louças, pratos, travessas e bandejas para trazer sorte ao casamento.

 


Arquitetura que constrói o turismo.
Mesmo que você nuca tenha ido à Alemanha ou não entenda nada de arquitetura, já viu em algum livro ou cartão postal, simpáticas construções onde as fachadas e paredes de casas possuem vigas de madeiras horizontais, verticais e inclinadas que se encaixam harmoniosamente. O nome desse estilo arquitetônico, tipicamente europeu, é conhecido
como Enxaimel. E, como não podia deixar de ser, Pomerode faz parte da Rota do Enxaimel: um conjunto de cidades em Santa Catarina que possuem diversas construções deste tipo.
Além dela, também fazem parte os seguintes municípios: Indaial, Blumenau, Joinville, São Bento do Sul e Timbó.
Em Pomerode, as casas estão concentradas no bairro de Testo Alto e o melhor: apesar de uma grande
maioria ser residencial, algumas casas funcionam como ateliês, confeitarias e restaurantes, onde você poderá passar longas horas saboreando refeições à base de chucrute (repolho em conserva fermentado), marreco, kochkase (queijo temperado) e, para fechar com chave de ouro: um magnífico strudel (sobremesa típica alemã: uma espécie de massa folhada recheada de creme e frutas).
Calma para aproveitar cada lugar. A tranquilidade faz parte da paisagem local. Por isso, este é o destino ideal para quem deseja tirar alguns dias de folga e se desligar dos problemas. A paisagem também vai ajudar bastante se você deseja relaxar: a cidade está localizada no centro de um belíssimo vale, recortado pelo rio Testo e cercado por montanhas e colinas. Aproveite que você está na região e não deixe de conhecer de perto o Morro da Turquia. Você terá
uma vista panorâmica da região e, de quebra, poderá praticar esportes como parapente e asa-delta. Outra
atração imperdível é o zoológico da cidade, um dos mais antigos do país, fundado em 1932. São 35.000m2
de área construída e quase 1400 animais entre eles: répteis, aves, mamíferos e até um exemplar de urso pardo além de tigres siberianos. Os ingressos variam de R$ 7,00 a R$ 14,00.
Outra atração do lugar, e mais uma tradição, são os clubes de tiro e caça. Ao todo a cidade possui 16 clubes (segundo o site da prefeitura) que realizam esse tipo de atividade. Muitos deles, possuem fundação anterior a 1950!
História e beleza nas suas compras.
Se você é daqueles que sempre separa um espaço na mala para as compras, não pode deixar conhecer essa verdadeira joia catarinense: a cidade é conhecida por ter peças de altíssima qualidade de duas grandes indústrias: confecções e louças. Você ficará frente a frente com peças de porcelana de uma beleza ímpar. Mas as louças não são as únicas peças da cidade a enfeitar a decoração da sua casa. Você também poderá visitar e admirar o museu do marceneiro, um
museu dedicado a contar a história dos móveis da família Behling, dona de uma fábrica desde os anos 50. O mais interessante é que ao lado do museu, funciona uma loja que comercializa peças exclusivas. Essa é
apenas uma maneira de levar um pouco de Pomedore para dentro de sua casa: uma cidade completamente
diferente de tudo que você já viu e, justamente por isso, apaixonante. Não perca tempo! Faça as malas e
aproveite esse pedacinho da Alemanha sem precisar
sair do Brasil.

 

 



Você pode pagar seu anúncio com :