•Agência de Turismo
   •Beleza e Estética
   •Decoração
   •Diversão
   •Educação e Cursos
   •Gastronomia
   •Lazer
   •Meio Ambiente
   •Moda e Vestuário
   •Pet & Cia
   •Psicologia
   •Saúde
   •Turismo

Castração em animais domésticos: as verdades e os mitos para tirar suas dúvidas.

Compartilhe esta matéria com seus amigos !

Poucos temas são tão controversos como a castração,ou esterilização em animais domésticos. De um lado,os defensores alegam que ele previne doenças e ajuda no controle da população de animais. Já os que são
contra afi rmam que essa é uma atitude antinatural, uma mutilação contra felinos e caninos. Mas antes de
tomar partido, conheça tudo que cerca essa operação e como isso pode infl uenciar na vida de seu bicho de estimação.
CADA CASO É UM CASO.
Castrar um animal nem sempre é uma decisão simples de ser tomada. Primeiro, porque afeta a vida não só do cão ou do gato, mas também dos donos. Um desses exemplos é a colaboradora da Revista Help.Com, Roberta Bichara. Ela possui dois cachorros, um macho e uma fêmea, um castrado e outro não: “Ganhei o
macho de um amigo que é dono de um canil, como moramos perto e ele possui algumas fêmeas, pediu que eu não castrasse o animal, já que ele poderia servir como reprodutor. Porém, quase um ano depois, adotei uma cadelinha e assinei um termo de
adoção responsável. Uma das cláusulas desse termo é a castração. Apesar de bem simples, na época da
operação, todos da minha família se mobilizaram para o pós operatório. Já que o animal não pode fi car sozinho por alguns dias.”.
Decidir, no caso da Roberta, foi bem simples, porém, em outras situações, nem sempre, a resposta vem tão rápida. Um dos fatores a serem analisados, é se você vai querer que seu animal reproduza. Por outro lado,
alguns problemas de saúde podem ser evitados em machos e fêmeas.
MITOS, VERDADES E OUTRAS INFORMAÇÕES IMPORTANTES.
A cirurgia de esterilização é bem simples, tanto em


machos quanto em fêmeas de cães e gatos. Porém ela é cercada de mitos, principalmente no que se refere ao comportamento dos animais. Conheça alguns pontos que vão ajudar na sua decisão.
VERDADE – A esterilização evita doenças: Ela pode evitar infecções uterinas (piometra) e câncer de mama em fêmeas e tumores na próstata nos machos.
MITO – Os animais ficam bobos: esse é um dos maiores mitos da castração. O animal, na verdade, tem um aumento de apetite, portanto, se o dono não controlar, há maiores chances de engordar. Se não houver uma rotina de exercícios e passeios diários, ele pode se tornar obeso e muito mais lento para responder aos estímulos.
VERDADE – Os machos param de urinar pela casa: os machos urinam para demarcar território, quando castrados essa característica diminui
consideravelmente.
MITO - A castração muda o comportamento do animal – Nem sempre, um exemplo é que o macho castrado ainda pode sentir atração pelas fêmeas, mas será incapaz de gerar dependentes.
Antes de tomar uma decisão, converse com o veterinário. Lembre-se que, apesar de simples é um procedimento cirúrgico que vai exigir alguns cuidados no pré e no pós-operatório. Essa é uma decisão que só você poderá tomar e, seja qual for, vai demonstrar todo amor que você tem por seu bicho de estimação.

 



Você pode pagar seu anúncio com :