•Agência de Turismo
   •Beleza e Estética
   •Decoração
   •Diversão
   •Educação e Cursos
   •Gastronomia
   •Lazer
   •Meio Ambiente
   •Moda e Vestuário
   •Pet & Cia
   •Psicologia
   •Saúde
   •Turismo

Bonito : o nome já diz tudo

Compartilhe esta matéria com seus amigos !

Parece improvável mas, até a década de 70, poucas pessoas escutaram falar de uma pacata região do Mato Grosso do Sul que unia lindas paisagens a grutas escondidas e rios de água cristalina. Ainda bem que muita coisa mudou. Embarque nesta viagem a uma cidade que faz jus ao nome que tem: Bonito, um dos mais admirados destinos ecológicos do Brasil.
SUSTENTABILIDADE COMO ATRAÇÃO.
Bonito é maravilhoso, porém, antes de desbravar as belezas do local saiba que aqui o turismo ecológico é
levado a sério e sustentabilidade não é apenas uma palavra, mas uma ? loso?a do local.
No começo dos anos 90 a região sofreu profundas mudanças em sua infraestrutura: a cidade ganhou hotéis e as pessoas, treinamentos adequados para atender os visitantes de todas as partes do mundo.
Mas, ao contrário de muitas paisagens modi?  cadas pela exploração do homem, a população de Bonito descobriu que, a única maneira de atrair ainda mais dinheiro,
seria cuidando de seu maior bem: a natureza. Hoje, a maioria dos passeios só pode ser feito com o auxílio de guias locais que mostram a paisagem e ainda dão grandes lições de preservação.
PARQUE DE DIVERSÕES A CÉU ABERTO.
Bonito é um verdadeiro parque de diversões. São tantas atrações que ?ca difícil saber por onde começar.
Uma das atividades mais concorridas é o mergulho em um dos inúmeros rios do local. As águas são tão límpidas que os visitantes têm a impressão de estar mergulhando em um aquário. Diversos rios são propícios para a 

prática, mas Baía Bonita merece destaque especial por ser, realmente, um aquário natural.
Outra atração concorrida é o Abismo das Anhumas, um buraco no chão é a porta principal para a mais surpreendente paisagem de Bonito: um abismo com cerca de 72 metros de altura que esconde um lago de águas transparentes que, dependendo da luz do dia, ganha coloração diferente. Esta é uma aventura que exige tempo e preparo físico pois a única maneira de descer até o abismo é fazendo rapel.
Um outro local também muito procurado é a Gruta do Lago Azul,  um lago de 120m de largura e aproximadamente 90 de profundidade. Para chegar ao local é preciso descer quase 300 degraus de uma escadaria. Uma curiosidade: a gruta do Lago Azul foi tombada pelo Iphan como patrimônio natural. Para
preservar o local o número de visitantes por dia é limitado e, rigorosamente, controlado.
Além das grutas, a geogra?a do local permite a prática do ra?ting, há locais propícios para o rapel e para uma modalidade bastante inusitada: o Bóia Cross. Os turistas descem as corredeiras do rio Formosinho em uma bóia.
São quase 2km de diversão.Agora, uma última dica: antes de ir a Bonito, procure marcar os passeios com antecedência. Como dissemos anteriormente, aqui o respeito ecológico é levado a sério e a maioria dos lugares são bastante procurados,
principalmente na época das chuvas que vai de dezembro a março. Por isso, um planejamento vai ajudar você a aproveitar cada pedacinho de um lugar que tem beleza até no nome.

 



Você pode pagar seu anúncio com :